• artigos •

Quatro traços de uma cultura digital

A cultura de sua organização está preparada para apoiar uma transição acelerada
para um negócio digital?

A recém divulgada terceira edição da pesquisa global realizada pelo MIT e pela Deloitte sobre negócios digitais revelou que 53% dos 3.500 gestores pesquisados afirmam que sua organização está usando tecnologia digital para fazer negócios de forma fundamentalmente diferente. E 61% afirmam que sua organização planeja aumentar os investimentos em tecnologia digital nos próximos 12 a 18 meses. A transformação para negócios digital é irreversível e cada vez mais rápida. Pela nossa perspectiva, compartilhamos quatro traços culturais que em nossa opinião serão marcas distintivas das empresas digitais de sucesso:

 

1. Uma cultura que encoraja as pessoas a se desafiarem respeitosamente, admitirem lacunas de conhecimento, pedirem e receberem ajuda.

Times de alta performance exemplificam essa característica. Por exemplo, equipes cirúrgicas nas quais as enfermeiras não hesitam em chamar a atenção do cirurgião (por exemplo, quando há uma esponja esquecida atrás de um órgão) porque sabem que é psicologicamente seguro questionar inclusive quem está acima delas na estrutura.

2. Uma cultura de autenticidade e agudo senso de propósito em torno de benefícios proporcionados a clientes e ao todo maior.

O propósito do Twitter no Brasil é “Ser essencial para todo brasileiro, diariamente ajudando-o a conversar e se conectar imediatamente com suas paixões e interesses”. Uma aspiração que desperta nos funcionários um sentimento de orgulho, otimismo e compromisso. Eles não apenas sabem a razão última de estarem realizando suas atividades, mas percebem coerência entre o propósito declarado e a ação no dia a dia.

3. Uma cultura de generosidade, desprendimento, compartilhamento.

Há muitas evidências dos benefícios de uma atitude de extrema doação no ambiente de trabalho. Por exemplo, pessoas inspiradoras, que por sua atitude generosa de ver o mundo como um campo de oportunidades para ajudar outros passam a sentir-se bem sobre o seu trabalho e sobre si mesmas e tornam-se profissionais de grande sucesso. Além de contagiarem outras a adotar a mesma postura.

4. Uma cultura expedicionária de prototipagem, aprendizagem pela ação, experimentação e rápida iteração.

Gary Hamel descreve as empresas mais inovadoras como aquelas mais rápidas para se adaptarem a um ambiente de constante mudança. Tudo relacionado com velocidade e experimentação. Todos buscam não só testar suas ideias bem, mas basear as suas decisões em dados colhidos com base na ação no mundo real. Nessa cultura as pessoas estão o tempo todo desenvolvendo plataformas para experimentações rápidas e mais baratas.

 

Política de Privacidade

© todos os direitos reservados | grupo amana-key

E-mail: atendimento@amana-key.com.br

Telefone: 0800 770 2328 ou (11) 4613-2323

WhatsApp: (11) 94249-8881

Entre em contato com nossa equipe de relacionamento

Siga a amana-key

Outros programas

outras publicações Amana-key

podcasts

Alta performance, tecnologia e ética

(ver a lista completa)

artigos

LÍDERES CERTOS
NOS LUGARES CERTOS?

(ver a lista completa)

APG
Senior

Dirigido a líderes
em cargos
de diretoria e
gerência superior

Saiba mais

APG
middle

Dirigido à líderes
em cargos de
gerência
intermediária

Saiba mais

APG
Compacto

Executivos senior
e middle (inclusive
os que já fizeram
o APG longo)

Saiba mais

APG Gestão
Pública

Dirigido

à líderes

do setor governamental

Saiba mais